hanna thame fisioterapia animal
prefeitura itabuna coronavirus 155 livros do thame

Cesta básica sobe em Conquista e cai em Salvador, Itabuna e Ilhéus

cestaO preço da cesta básica sofreu aumento em Vitória da Conquista, em agosto de 2016, e redução em outros três municípios baianos. A pesquisa foi realizada pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI, responsável pela pesquisa em Salvador), pela UESC (Ilhéus e Itabuna) e UESB (Vitória da Conquista).

Em Salvador, a cesta passou a custar R$ 327.66 em agosto de 2016, representando um decréscimo de -1,16% quando comparado com o mês de julho de 2016. Dos 12 produtos que compõem a ração essencial mínima, sete registraram variações negativas: Feijão rajado (-3,66%), Tomate (-3,02%), Carne bovina (Cruz machado) (-2,09%), Banana da prata (-1,57%), Pão francês (-1,06%), Óleo de soja (-1,03%) e Farinha de mandioca (-0,57%). Por sua vez, cinco registraram variação positivas: Café moído (3,54%), Arroz (2,94%) Leite pasteurizado (2,72%), Manteiga (2,65%), Açúcar cristal (0,76%).

Já em Vitória da Conquista, o custo da cesta passou para R$ 334,57 no mês de agosto, representando aumento de 0,88% quando comparado ao mês imediatamente anterior.  Dos produtos que compõem a ração essencial mínima, , oito registraram variações positivas: Arroz (3,69), Banana-prata (4,83), Café (0,72), Farinha de Mandioca (1,88), Feijão (15,16), Leite (4,36), Manteiga (5,44) e Óleo (1,66). Por sua vez, quatro produtos registraram variação negativa: Açúcar (-2,25), Carne Bovina (-2,04), Pão Francês (-5,62) e Tomate (-8,30).

Em Ilhéus, com uma redução de -0,48%% quando comparado ao mês anterior, o preço da cesta passou para R$ 374,11 no mês de agosto Dos 12 produtos que compõem a cesta básica, seis tiveram seus preços reduzidos, foram eles: feijão (-8,91%), açúcar (-3,60%), tomate (-2,72%), carne (-2,18%), arroz (-0,59%) e óleo de soja (-0,26%). Em contrapartida, os outros seis: café (8,60%), farinha (8,48%), leite (7,07%), banana (5,11%), manteiga (3,97%) e pão (0,60%) apresentaram aumento de preço.

E em Itabuna, a cesta passou a custar R$ 348,81 no período, representando uma redução de -1,76% quando comparado ao mês anterior. Dos  itens que compõem a cesta básica, o arroz registrou o maior aumento de preço (7,38%), seguido por farinha (4,66%), leite (4,26%), manteiga (3,85%), café (2,84%), carne (2,15%) e óleo de soja (1,10%). O pão não apresentou variação de preço. O feijão foi o item que apresentou maior queda de preço (-11,63%), seguido por banana (-8,44%), tomate (-3,04%) e açúcar (-2,08%).

Em Salvador, o tempo de trabalho necessário para se obter os 12 produtos da cesta básica foi de 89 horas e 2 minutos, e o trabalhador comprometeu 40,47% do salário mínimo líquido, de R$809,60 – descontando-se 8% de contribuição previdenciária do salário bruto de R$880,00. Em Itabuna foram necessárias 94 horas e 47 minutos de trabalho para adquirir os produtos, com comprometimento de 43,08% do salário mínimo líquido.
Já em Ilhéus, o tempo de trabalho despendido para se obter a cesta básica foi de 101 horas e 39 minutos, com comprometimento de 46,21% do salário mínimo líquido para adquirir os 12 itens da cesta.
E em Vitória da Conquista, o tempo de trabalho necessário para se obter a cesta básica foi de 90 horas e 55 minutos, e o trabalhador comprometeu 41,33% do salário mínimo líquido.

Imprimir Imprimir | Enviar Enviar

Dê seu voto:

Leave a Reply

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2016
D S T Q Q S S
« ago   out »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930