hanna thame fisioterapia animal
prefeitura itabuna coronavirus 155 livros do thame

Archive for setembro 4th, 2014

Hotéis de Ilhéus já se preparam para a alta estação

hot 1

Com o término do período de baixa temporada, o setor hoteleiro agora muda seu foco para as festas de final de ano e já começa a se preparar para a época de alta estação, quando a movimentação é muito maior e mais concentrada que nos outros períodos do ano.

As férias no final do ano mobilizam muitas pessoas a viajarem e aproveitarem para conhecer novos lugares, saber mais de suas histórias e também suas belas paisagens. É assim que acontece com Ilhéus, uma das principais cidades da Costa do Cacau, onde é possível encontrar praias para todos os gostos, além de pontos turísticos com riqueza histórica e cultural.

hot 2De acordo com Juliana Brandão, assistente de Marketing dos hotéis Aldeia da Praia e Praia do Sol, localizados em Ilhéus, o aumento da movimentação dentro do setor já é bastante esperado. Com isso, algumas estratégias já começam a ser desenvolvidas para atrair os visitantes. “Para o final de ano sempre fazemos belas decorações para os nossos clientes e diversas surpresas tanto no almoço como no jantar e geralmente fazemos jantar temático, com música ao vivo, voz e violão”, explica.

Para Juliana, elementos como a estrutura dos hotéis, tarifas diferenciadas, opções de lazer e também a qualidade dos serviços disponibilizados ajudam a aumentar a procura nos períodos de alta temporada. “A expectativa dos colaboradores e funcionários dos hotéis é que haja uma alta ocupação e que os clientes saiam satisfeitos com os serviços prestados, para que voltem cada vez mais”, ressalta.

 Promoções e pacotes

 Para facilitar o acesso à hospedagem dos turistas, alguns hotéis da região oferecem promoções. “Para o Réveillon, por exemplo, iremos trabalhar com as mesmas tarifas do ano passado para reservas efetuadas e pagas até 1º de novembro. Também estamos com uma promoção durante todo o mês de setembro, permitindo que os hóspedes parcelem o pagamento das diárias em até 06 vezes no cartão de crédito”, acrescenta Juliana.

Ainda segundo Juliana, os pacotes para o período de Réveillon são para quatro noites, com jantar especial no dia 31 de dezembro. Para maiores informações, basta entrar em contato através dos números (73) 3234-8007 (Aldeia da Praia) ou (73) 3234-7006 (Praia do Sol), ou pelos e-mails reservas@aldeiadapraia.com.br ou reservas@praiadosol.com.br.

Rui diz que oposição desconhece realidade da Bahia moderna

rcostaO candidato ao governo da Bahia, Rui Costa (PT) rebate categoricamente as afirmações do ex-governador Paulo Souto, em relação a investimentos federais na Bahia, creditando à má fé ou pura desinformação sobre os avanços conquistados na Bahia a partir dos projetos implementados na gestão de Jaques Wagner. Ex-chefe da Casa Civil do Governo da Bahia, órgão que coordena as obras de infraestrutura e logística no Estado, Rui informa, inicialmente, sobre os grandes projetos ferroviários, que melhorarão o transporte da produção agrícola, mineral e industrial de todo estado.
“Os democratas não devem saber, mas está em curso a implantação de 18 quilômetros do contorno ferroviário de Camaçari, para escoar a produção do Polo Industrial e o Porto de Aratu”, exemplificou. “A Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL) é um investimento de R$ 4,3 bilhões, maduro e em plena execução, e a Ferrovia Belo Horizonte–Salvador está em fase de estudos para  definição de traçado.
Para Rui, o ex-governador lança mão da crítica fácil, mas nem fala porque não fez, nem apresenta proposta de nenhum grande projeto de infraestrutura. “Ao contrário do imobilismo do passado, governamos para tornar a Bahia um estado moderno e competitivo, com oportunidades para todos”, afirmou o candidato. “Em 2007 as estradas baianas eram verdadeiras pistas de rally e Wagner, com apoio do governo federal, investiu R$ 2,8 bilhões para recuperar e construir mais de 8 mil quilômetros de estradas”. Para rebater, novamente, o que chama de desinteresse do concorrente em se atualizar sobre os avanços conquistados nos últimos sete anos, Rui Costa afirma: “Ele deveria acompanhar a história recente. Assim, saberia que no mês passado foram assinadas as ordens de serviço para a duplicação de trechos da BR-101 e da BR-116”.
 Wagner está investindo na capital R$ 8,5 bilhões em projetos de mobilidade, para ligar a Baía de Todos os Santos à Orla Marítima e sobre o metrô, o petista garantiu que a capital terá, dentro de quatro anos, 41,4 km de extensão e  22 estações, até Cajazeiras e Lauro de Freitas. ”A Bahia  está acima da média de todos os estados brasileiros em cinco temas de um total de oito avaliados na pesquisa do The Economist Intelligence Unit (EUI). Também figura com as mais altas médias do Nordeste e acima da média geral em categorias como política para investimentos estrangeiros, ambiente econômico, regime tributário, inovação, sustentabilidade e recursos humanos. Tudo isso resultado das políticas públicas praticadas pelo governador Jaques Wagner, a partir de 2007.
Enquanto o democrata diz que só faz promessas que poderá cumprir, Rui aponta o caso da estrada em Brotas de Macaúbas que o ex-governador prometeu para a população, “e saiu do governo sem cumprir. Quem fez foi Wagner”, lembra. “Dos 417 municípios baianos, apenas nove ainda não estão com acesso pavimentado às principais rodovias estaduais. Essa informação o candidato da oposição, por conveniência, ignora”.

 

Presidente sírio agradece apoio do Irã à guerra contra extremistas

bacharO presidente da Siria, Bashar al Assad (foto) agradeceu  o respaldo do Irã à luta que a Síria livra contra grupos extremistas armados, apoiados a partir do exterior, e defendeu uma maior cooperação entre ambos países. Durante uma reunião com o chefe da Comissão de Desenvolvimento das Relações Econômicas Sírio-iranianas, Rostam Qasemi, o presidente destacou o respaldo de Teerã na reconstrução desta nação, arrasada por mais de três anos de guerra, impulsionada por potências ocidentais e regionais.

Por sua vez, Qasemi elogiou a resistência do povo e do governo sírio em sua luta contra os grupos armados. Além disso, chamou a aumentar os laços entre ambos países e ofereceu a ajuda do Irã à reconstrução da Síria. Na semana passada, o premiê Wael al Halqui afirmou que o novo governo trabalhará para fortalecer as relações de cooperação econômica, comercial e de desenvolvimento com os países amigos, especialmente com o Irã.

Ao receber o embaixador iraniano, Mohammed Riza Sheibani, al Halqui ressaltou a necessidade de ampliar os laços econômicos, comerciais e industriais. O diplomata ratificou que seu país manterá seu apoio ao povo sírio e se mostrou convencido da vitória sobre os grupos extremistas.

Calcula-se que mais de 190 mil pessoas já morreram no conflito e milhões se viram obrigadas a retirar-se de seus lares, enquanto as perdas materiais são enormes.

Construção de fábrica da Jac Motors na Bahia começa em outubro deste ano

jacA JAC Motors superou o último obstáculo para iniciar a construção de sua fábrica de automóveis na Bahia. Com a aprovação do financiamento de R$ 120 milhões, pelo Conselho de Administração do Desenbahia, as obras civis de construção da fábrica vão começar em outubro deste ano, no Polo Industrial de Camaçari.

Metade dos R$ 120 milhões sairá dos cofres do Tesouro Estadual, por meio do Fundo de Desenvolvimento Social e Econômico (Fundese), e o restante do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Um dos fatores que atrasaram o cronograma de implantação da fábrica foi a inversão no controle societário da JAC Motors do Brasil. A matriz chinesa passou a ser majoritária no empreendimento, com 66% de participação, enquanto o sócio brasileiro, o Grupo Sérgio Habib, passou a ser minoritário, com 33%.

Com geração de 3.500 empregos diretos, a JAC prevê investimentos totais de R$ 1,45 bilhão e faturamento anual estimado de R$ 400 milhões no primeiro ano de operação, que passará a R$ 2,4 bilhões a partir do quarto ano.

Obras

A terraplanagem da área de 6,7 milhões metros quadrados foi concluída no mês de abril. O projeto executivo da construção já está aprovado, assim como todo o projeto industrial para a fabricação da primeira família de automóveis brasileiros da montadora, que tem sede na China. A fábrica, que deverá estar pronta em julho de 2015, terá capacidade para produzir 100 mil automóveis/ano, além de 20 mil unidades/ano em sua linha de montagem de caminhões.

Em contrapartida ao investimento chinês, o Estado irá oferecer diferimento de alíquota de ICMS para compra de bens para o ativo fixo; diferimento por 15 anos do ICMS nas importações de veículos acabados, destinados à revenda, nas aquisições e nas importações de matéria-prima; e crédito presumido do ICMS por 15 anos, de 98% do 1º ao 6º ano de operação, e de 90% do 7º ao 15º ano.

Fornecedores

Enquanto durar as obras de construção civil, a JAC vem tocando, desde dezembro de 2012, a concepção dos modelos de automóveis que serão produzidos na planta industrial da Bahia, já totalmente adaptados ao gosto do consumidor brasileiro. Desde 2013, a empresa está promovendo rodadas de negociações com os fornecedores de autopeças, componentes e serviços para a fábrica que ficará sediada na Via Atlântica (antiga Estrada da Cetrel), no Polo Industrial de Camaçari.

Oito fornecedores já fecharam acordo com a JAC – o aço será fornecido pela Usiminas; a Valeo entregará os componentes elétricos; a Autolin, os painéis de portas; a Plascar fabricará para-choques; a Weldmatic fornecerá os subconjuntos soldados; a Tudor entrará com as baterias; a Hutschinson fará os acabamentos de borrachas; e a Plilkington será a fabricante de vidros.

Read the rest of this entry »

Promessa de Souto só foi cumprida por Wagner

O candidato do DEM ao governo do estado afirma durante o horário eleitoral gratuito de rádio e televisão que só promete o que pode cumprir. “O povo baiano está cansado de obras que na saem do papel”, fala. Contudo, em um discurso feito quando foi governador, em maio de 2006, durante evento no município de Brotas de Macaúbas, carregou na retórica e prometeu recuperar a estrada que liga aquela cidade à BR-242 e a outras localidades da região da Chapada Diamantina. A via estava totalmente esburacada, igual a tantas outras naquela época, isolando a população e provocando prejuízos aos produtores. A recuperação era uma  antiga reivindicação da população. “Se vocês sofriam como estão sofrendo ainda com esta estrada, vocês podem ficar certos que meu sofrimento é o mesmo de vocês”, discursou.

“A perdição do homem é quando faz uma promessa que não pode cumprir,  ele está fraquejando. Essa estrada vai ficar pronta e vamos começar com duas frentes”, reforçou o ex-governador, dando esperanças ao povo. Porém, apesar da veemência da promessa, ele deixou o governo e a estrada continuou esburacada. Só foi recuperada pelo governador Jaques Wagner, como parte do pacote de recursos na ordem de R$ 2,8 bilhões,  investidos em 8 mil quilômetros de rodovias em todo o estado.

Comício de Rui e Otto com Lula e Wagner reune 10 mil pessoas em Salvador

trio em ssa 1

O ex-presidente Lula foi a principal estrela do comício do candidato ao governo baiano pelo PT, Rui Costa, e ao Senado, Otto Alencar (PSD), hoje à noite em Salvador. O evento atraiu cerca de dez mil pessoas à Praça da Revolução, em Periperi, no Subúrbio Ferroviário.

Lula defendeu a eleição de Rui Costa e Otto Alencar, além da reeleição da presidente da República, Dilma Rousseff, em evento em que foi ovacionado. Além dos candidatos Rui Costa e Otto Alencar e do vice na chapa petista, João Leão (PP), também participaram o governador Jaques Wagner e candidatos a deputado, além de lideranças estaduais.

Ao lado do ex-presidente, Rui Costa disse que o estado avançou com Wagner e o novo projeto é para avançar ainda mais: – Um projeto que, com Lula e Dilma, já fez a maior transformação social e econômica nesse país. E que, na Bahia, com Wagner, tirou milhões da miséria, deu acesso à água e à luz a mais de 6 milhões de baianos – disse, lembrando que visitou mais de 120 municípios desde o início da campanha e o que viu lhe dá a certeza da vitória.

trio de dois

Ainda no palanque, Rui informou que a transformação no país também chega ao subúrbio da capital baiana. A região do Subúrbio Ferroviário, segundo ele,  receberá R$ 600 milhões em obras, que incluem a revitalização da orla marítima. A autorização de liberação da verba já foi assinada pela presidente Dilma Rousseff, segundo ele.

O candidato ao Senado pelo PSD, Otto Alencar, criticou “pesquisas encomendas” (alfinetada no Ibope) em que tanto ele como Rui Costa aparecem em segundo lugar, mas opositores ligados à Família Magalhães (dona da Rede Bahia) lideram com boa margem ao Senado e ao governo baiano. (do Pimenta)

Importação de cacau segura preços e afeta produtores do Sul da Bahia

produção biana aumenta,, mas importações conmtinuam

produção biana aumenta,, mas importações conmtinuam

Produtores de cacau do Sul da Bahia estão preocupados com a constante importação de cacau da África e da Ásia, que segundo eles podem comprometer os preços da amêndoa brasileira, num momento de recuperaçãp da lavoura.

Em julho, desembarcou no Porto de Ilhéus um navio com 130 mil sacas de cacau para as empresas Cargill, Joanes e Barry Chalebaut. Atualmente exuste um navio  com mais 115000 sacas em alto mar, em período de quarentena mas já com licença para descarregar em Ilhéus. Também estão previstas 130.000 sacos em setembro, mais 130 mil sacas em putubro e a mesma quantidade em novembro, totalizando  635.000 sacas, ou seja 38 mil toneladas de cacau.

No Brasil, a previsão é de que a safra temporã e a safra principal na Bahia cheguem a 141 mil toneladas. “Vai sobrar cacau, teremos dificuldade de negociar o nosso produto e o preço vai cair”, alerta o produtor rural e presidente do Insitituto  Pensar Cacau, Águido Muniz, que cobra das autoridades uma ação que contenha a importação de cacau.

 

 

Bahia Pesca apresenta benefícios aos pescadores durante XI Semana do Peixe

Redução da tarifa de energia, renovação da frota artesanal de embarcações e estruturação da assistência técnica. Esses foram alguns benefícios oferecidos pela Bahia Pesca empresa vinculada a Seagri, e apresentados nesta terça-feira, ao segmento durante a cerimônia de abertura da XI Semana do Peixe. O evento, realizado pelo Ministério da Pesca e Aquicultura, em parceria com o governo do Estado, reuniu mais de 100 lideranças e representantes de associações, colônias, sindicatos e cooperativas baianas no auditório do Banco do Nordeste.
“A pesca e a aquicultura precisam de atenção, estrutura, investimento e organização para seu pleno desenvolvimento”, apontou o Presidente da Bahia Pesca, Cássio Peixoto, enumerando ainda a inserção de 10 mil pescadores e marisqueiras no CadCidadão, a total operacionalização do Terminal Pesqueiro Público de Ilhéus e a emissão das DAPs como importantes avanços para estruturar a cadeia produtiva da pesca e aquicultura na Bahia.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
setembro 2014
D S T Q Q S S
« ago   out »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930