hanna thame fisioterapia animal
bahiagas livros do thame

Archive for agosto 13th, 2013

Rui Costa discute com Valec terminal de integração da Fiol em Jequié

O secretário da Casa Civil do Governo da Bahia, Rui Costa, cobrou do presidente da Valec, Josias Sampaio, mais celeridade nas obras da Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol) e defendeu a implantação de um pátio intermodal no município de Jequié, no centro sul, durante reunião nesta terça-feira (13) na sede da empresa, em Brasília.

Josias Sampaio garantiu que o cronograma da Fiol está em dia e o trecho de Ilhéus a Caetité será concluído até dezembro de 2014, prazo estabelecido pelo governo federal. Rui Costa acertou com o presidente da estatal ferroviária a realização de uma reunião com as empresas interessadas na construção de um pátio intermodal em Jequié, pela importância que o município tem como polo comercial da região. A data será definida nos próximos dias.

Licença  

Durante o encontro, Rui Costa e Josias comemoraram a concessão da licença de implantação dos lotes 6 e 7 autorizada, na segunda-feira (12), pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). São mais 320 quilômetros liberados para o avanço das obras.

O lote 6 parte do município de Serra do Ramalho a segue até Correntina, onde inicia o 7, que termina em Barreiras. “Estes são lotes fundamentais para o escoamento da produção de grãos do oeste baiano”, disse Costa.

O presidente da Valec enfatizou a recente visita feita à obra, quando sobrevoou os 1.527 quilômetros da ferrovia para conhecer os avanços, identificar os gargalos e cobrar das construtoras o máximo empenho. Informou ainda que já foi resolvido o impasse do primeiro lote e reconheceu que o hoje maior problema é o lote 2, devido aos trechos muito acidentados e com muitas pedras.

Sobre as desapropriações necessárias à continuidade da Fiol, ele disse que já foram realizadas 73% das que foram solicitadas e algumas tentativas de acordo continuam em andamento. Para Josias, os principais gargalos da ferrovia estão sendo enfrentados pela Valec com a colaboração das empresas construtoras. O secretário comunicou ao presidente da Valec a importância da Fiol para a mineração na Bahia e reforçou a necessidade de se criar um planejamento territorial sobre a área da produção mineral.

Geraldo Simões pede solução para conflitos de terras no Sul da Bahia

O deputado federal Geraldo Simões (PT/BA) chamou a atenção durante pronunciamento hoje (13) no Congresso Nacional para o conflito de terras que tem trazido intranquilidade ao Sul da Bahia. “Nossa região tem vivido, nos últimos tempos, uma conjuntura favorável. É a criação da Universidade Federal do Sul da Bahia – UFESBA, com sede em Itabuna. São investimentos que estão sendo feitos na Ferrovia de Integração Leste Oeste – FIOL e o Porto Sul. Também temos a inclusão do cacau na Política de Garantia do Preço Mínimo – PGPM. São notícias que tem levantado a autoestima da região e anunciam um futuro melhor”, disse ele.

Geraldo alertou que  “destoa deste clima de otimismo  o que vem acontecendo em relação aos conflitos de terra, com supostos indígenas”. São 62 propriedades ocupadas recentemente, de forma violenta. Só de sexta-feira passada até hoje foram 12 ocupações. Há 7 fazendas ameaçadas de ocupação. “São grupos que chegam à noite, armados e utilizando motos, causando clima de tensão e terror em pequenos agricultores”, ressaltou o parlamentar.

Em relação às invasões, 16 mandatos de reintegração de posse foram expedidos e seis já foram cumpridos. Geraldo lembrou que em maio deste ano, foi realizada uma  audiência pública sobre o problema, aqui na Comissão de Agricultura. “Encaminhei, por meio da Presidência da Comissão, as reivindicações e decisões tomadas na audiência, à Ministra Chefe da Casa Civil – Gleisi Hoffmann . Inclusive alertamos sobre a necessidade de suspender o processo de demarcação de terras que vinha sendo executado pela FUNAI, para evitar conflitos e violência na região”, afirmou..

INTEGRIDADE DOS PRODUTORES

Hoje, o deputado manteve contato  por telefone, com o Coronel Reis, Comandante do Policiamento Regional Sul, na Bahia, solicitando que seja restabelecida a tranquilidade e garantida a integridade dos agricultores. “Venho aqui manifestar novamente ao Governo Federal e ao Governo do Estado, ao Ministério da justiça e à Casa Civil, a necessidade de tratar deste problema com toda a urgência necessária, buscando uma solução efetiva e plausível, que garanta os verdadeiros direitos das comunidades indígenas, mas que respeite também a legislação, garantindo a permanência na terra dos agricultores que a ocupam legalmente há várias gerações”, disse.

Para Simões, “é importantíssimo que se busquem soluções definitivas. Que seja resolvido pacificamente este conflito, antes que a violência, que já se manifesta, atinja proporções de maior gravidade, com mais mortes de ambas as partes”.  “Solução imediata aos conflitos, esta é nossa demanda. Esta é a exigência do povo do Sul da Bahia”.

 

Câmara dos Deputados devolve mandatos de Jorge Amado e Carlos Marighella

A Câmara dos Deputados realiza sessão solene nesta terça-feira (13/8), às 14h30, para promover a devolução simbólica dos mandatos dos 14 deputados federais do Partido Comunista do Brasil eleitos em 1945 para a Assembleia Constituinte de 1946 e cassados em 1948. Entre os parlamentares cassados estavam o escritor Jorge Amado; o político e guerrilheiro Carlos Marighella; Maurício Grabois, um dos fundadores do PCdoB; e João Amazonas, todos personagens históricos da luta contra a ditadura do Estado Novo (1937-45) e a ditadura militar de 1964-1985.

Além destes deputados, também foram cassados e receberão seus mandatos de volta: Francisco Gomes, Agostinho Dias de Oliveira, Alcêdo de Moraes Coutinho, Gregório Lourenço Bezerra, Abílio Fernandes, Claudino José da Silva, Henrique Cordeiro Oest, Gervásio Gomes de Azevedo, José Maria Crispim, Oswaldo Pacheco da Silva.

Como a maior parte dos deputados cassados já faleceu, suas famílias enviarão representantes para a sessão solene.O filho de João Amazonas, João Carlos Amazonas, por exemplo, representará seu pai, que morreu em 2002, aos 90 anos. A neta do ex-guerrilheiro Carlos Marighella, Maria Fernandes Marighella, virá à Câmara representando seu pai, morto numa emboscada armada pelos militares, em 1969, em São Paulo. Os filhos de Jorge Amado, Paloma e João Jorge Amado, receberão seu mandato de volta, simbolicamente. A solenidade será realizada no Plenário Ulysses Guimarães.

Robert Civita não morreu

Robert Civita, ex-boss da Editora Abril e comandante de Veja pode ter morrido, mas seu espírito permanece vivo nas páginas da ex-revista.

O ódio ao PT, a ojeriza ao Brasil e os brasileiros, a falta de compromisso com a verdade, estão presentes a cada semana nas páginas de Veja, esse esgoto do jornalismo.

Essa semana, Veja consegue se superar, publicando uma matéria de quatro páginas sobre o escândalo bilionário do metrô paulista, sem citar o PSDB, que está no centro das denuncias de corrupção. E ainda absolve José Serra, o candidato dos sonhos da Editora Abril, numa linha diametralmente oposta àquela adotada com petistas, que de suspeitos recebiam logo o carimbo de culpados.

Moribunda, a ex-revista Veja caminha  célere para fazer companhia a seu criador.

Câmera de vídeo registra assassinato de funcionária da UFBA

Selma: passeio com amiga terminou em tragédia

Imagens da câmera de segurança de um prédio mostram o momento em que a funcionária da Ufba Selma Barbosa Alves foi morta a tiros por assaltantes. O fato aconteceu na madrugada desta segunda-feira (12), no bairro do Costa Azul, quando Selma deixava uma amiga em casa.

O vídeo mostra a vítima estacionando o carro no prédio da amiga, que desceu do veículo e tentava abrir o portão. Neste momento, os dois assaltantes chegaram em um veículo preto e realizaram a abordagem.

Além de levaram o carro, eles também atiraram contra Selma, que morreu no local. As imagens devem ajudar a polícia a identificar os criminosos, que mesmo após uma troca de tiros com uma guarnição da 39ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), conseguiram fugir.

Por conta do latrocínio, a Facom suspendeu as aulas na manhã desta segunda. Selma era funcionária da instituição há mais de 20 anos, e trabalhava no laboratório de vídeo da faculdade. Os professores tentam contato com a família de Selma, que mora na cidade de Natal (RN). Segundo informações da instituição, apenas uma irmã dela mora em Salvador.

Em nota, a Facom comentou a morte da funcionária. “É com grande pesar que a Faculdade de Comunicação informa sobre o falecimento da estimada servidora Selma Barbosa Alves, mais uma vítima da violência que assola a cidade de Salvador. Em nome da Faculdade de Comunicação da UFBA, apresentamos as nossas sinceras condolências aos amigos e familiares.” (Fonte A Tarde)

Plano de Safra Bahia garante R$ 5,5 bilhões para a agropecuária

A agricultura, pecuária e aquicultura do estado da Bahia serão contempladas com recursos da ordem de R$ 5,5 bilhões oriundos do Plano Safra da Aquicultura 2013/2014 (Plano Safra Bahia) lançado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Agricultura (Seagri),  em cerimônia com a presença do governador Jaques Wagner, no Parque de Exposições Agropecuárias em Salvador.

O objetivo do plano é apoiar os produtores rurais, proporcionando as condições favoráveis à manutenção e expansão das atividades agropecuárias, de forma competitiva e sustentável. Do total de recursos, R$ 4,3 bilhões serão destinados para o agronegócio e R$ R$ 1,2 bilhão especificamente para a agricultura familiar.

Trazendo ações voltadas para a convivência com a seca, como a recuperação dos pastos e dos rebanhos, o lançamento do plano foi marcado pela assinatura de decretos, acordos e ordens de serviço que vão fortalecer a agricultura familiar na Bahia. “A meta é, sem excluir o agronegócio, continuar fortalecendo a agricultura familiar, que dá sustento a mais de 600 mil famílias no estado”, disse Wagner.

Além do governador Jaques Wagner e dos secretários estaduais, Eduardo Salles (Agricultura), Rui Costa (Casa Civil) e Moema Gramacho (Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza) participaram do lançamento do Plano Safra 2013/2014, o presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), Elmo Vaz, o secretário nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, Arnoldo de Campos, e o secretário da Agricultura Familiar do Ministério do Desenvolvimento Agrário, Valter Bianchini.

Read the rest of this entry »

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
agosto 2013
D S T Q Q S S
« jul   set »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031