hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Archive for julho 28th, 2013

Papa Francisco leva 3 milhões de pessoas à missa no Rio de Janeiro

Mais de três milhões de pessoas participaram hoje (28) da missa do papa Francisco na Praia de Copacabana, último evento público do papa na Jornada Mundial da Juventude. O cálculo é de organizadores do evento, segundo o porta-voz do Vaticano, padre Frederico Lombardi.

O porta-voz disse que a adesão dos fiéis à jornada mostra a vitalidade da Igreja Católica. “Mais que três milhões de pessoas é um número grande. É sinal da participação dos jovens. Creio que conseguimos honrar a meta do papa, que não queria fazer algo para os jovens, mas com eles, para inseri-los nos temas que mobilizam a Igreja e a sociedade”, acrescentou.

Frederico Lombardi disse também que foi “incrível” ver o desempenho de Francisco, que assumiu o pontificado há cerca de quatro meses. “Foi a chance de ver um papa espontâneo”, destacou. A jornada no Rio, acrescentou, é uma chance de aproximar a igreja latino-americana da igreja universal.

Com mensagem que pediu engajamento e evangelização aos jovens, o papa Francisco fez a última homilia na Jornada Mundial Juventude. Ele pediu aos jovens que participem da Igreja e derrubem as barreiras do egoísmo, do ódio e da intolerância para a construção de um mundo novo.

“A Igreja conta com vocês e o papa conta com vocês”, disse, acrescentando que os peregrinos devem ir sem medo. “É bonito compartilhar essa experiência de fé, mas ela é só uma etapa do caminho. Sigam com generosidade e união”, incentivou Francisco.

(da Agencia Brasil)

 

O argentino que os brasileiros amam amar

Brasileiros e argentinos são dois povos irmãos que amam se odiar.

 Mas coube a um argentino e por acaso papa romper essa regra.

 Depois de uma semana no Rio de Janeiro, não restam dúvidas: Francisco, com sua simplicidade e sua alegria contagiante, é o argentino que todos os brasileiros amam amar.

 

Um pé (calçado) na bunda do pessimismo

Sessão gotas de sabedoria (ou, um pouco de auto-ajuda não faz mal a ninguém):

O dono de uma loja de calçados mandou um funcionário a uma pequena cidade, para avaliar a possibilidade de abrir uma filial.

No dia seguinte, o funcionário manda um email pro chefe, dizendo o seguinte:

-Aqui a gente não vai vender nem um par de chinelos. Nessa cidade, todo mundo anda descalço.

Em busca de uma segunda opinião (feito o sujeito que repete o exame de próstata umas 200 vezes para evitar dúvidas), o chefe manda outro funcionário à mesma cidade.

No dia seguinte, recebe o email:

-Chefe, a gente vai vender sapatos pra caramba. Nessa cidade, só tem gente descalça.

 

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
julho 2013
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031