hanna thame fisioterapia animal
festival chocolate bahiagas universidade lasalle coronavirus 155 livros do thame

Santa Casa de Itabuna participa do Mutirão do Diabético

Entendendo a importância do Mutirão do Diabético, a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna anuncia a renovação de parceria com este evento de grande importância para a sociedade. Como ocorre todos os anos, a instituição estará presente através de serviços de Laboratório de Análises Clínicas, de Nefrologia e do Centro de Estudos (Funcepes), auxiliando de forma decisiva no diagnóstico e encaminhamento de pacientes com diabetes durante o evento. O Mutirão será realizado neste sábado (10), na Praça Rio Cachoeira, Centro de Itabuna, a partir das 8 horas.

Sobre os serviços prestados pela Santa Casa de Itabuna durante o Mutirão do Diabético, o Laboratório de Análises Clínicas atuará com uma equipe de seis profissionais realizando exames de diagnóstico e confirmação do diabetes. Estarão à disposição os exames de colesterol total, creatinina, glicemia, HDL, hemoglobina glicosada, proteína e glicose na urina.

Os exames laboratoriais serão essenciais para a confirmação do diagnóstico e encaminhamentos médicos realizados durante o Mutirão do Diabético. Neste setor, a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna estará atuando com duas equipes médicas, sendo a primeira do Centro de Estudos Professor Edgard Santos, realizando orientações e encaminhamentos; e a segunda dos médicos nefrologistas.

“Os nefrologistas atenderão pacientes diagnosticados com retinopatia diabética, que, provavelmente, tem diagnóstico de nefropatia diabética, já que ambas são agravos decorrentes da evolução do diabetes”, relatou o médico nefrologista e vice-provedor da Santa Casa de Itabuna, Almir Alexandrino. Durante o atendimento no Mutirão, os médicos nefrologistas farão exames clínicos, leitura dos exames laboratoriais e encaminhamentos para tratamento ambulatorial ou mesmo intervenção hospitalar para os casos mais graves.

Para a médica e coordenadora do Serviço de Nefrologia da SCMI, Neyde Vinhático, a essência do Mutirão do Diabético reflete os benefícios coletivos e individuais gerados com a evolução científica que sai da Academia e chega ao seio da sociedade, em praça pública. “Com a evolução do tempo e da ciência aprendemos a lidar melhor com o diabetes e a interferir na doença, retardando ou até revertendo suas complicações. Levar este conhecimento à sociedade e fazer com que as pessoas se apropriem deste conjunto de atitudes, que envolve novos hábitos e novas formas de tratamento, é um dos objetivos da nossa presença no Mutirão do Diabético”, declarou Neyde Vinhático.

Imprimir Imprimir | Enviar Enviar

Dê seu voto:

Leave a Reply

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
novembro 2012
D S T Q Q S S
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930