hanna thame fisioterapia animal
bahiagas livros do thame

Mutirão do Diabético de Itabuna tem foco na prevenção e quer ´Cidade Azul´

Dr. Rafael Andrade: Itabuna é exemplo para o Brasil

Médicos, empresários, lideranças políticas e profissionais de comunicação do Sul da Bahia participaram na quarta-feira, dia 31, no Hotel Tarik Fontes, do lançamento oficial do Mutirão do Diabético de Itabuna, promovido pelo Hospital de Olhos Beira Rio, que este ano acontece no dia 10 de novembro. O evento foi aberto pelos artistas Kocó e Itassucy, que cantaram o Hino do Diabetes, seguido de uma apresentação sobre os males causados pela doença, uma das que mais provocam vítimas fatais em todo o mundo.

Dr. Rafael Andrade, idealizador e coordenador do Mutirão do Diabético de Itabuna, disse que “esse é um dia especial para Itabuna, que se une em torno de um projeto”. O Dr. Rafael Andrade disse que “a equipe do Hospital de Olhos Beira Rio acreditou no sonho e hoje ele é realidade, o Mutirão é o maior evento do gênero no Brasil”. “Nós trabalhamos para celebrar a saúde, atendendo as pessoas carentes,  que tem mais dificuldades de acesso ao tratamento e prevenção”, ressaltou.

O médico e hoteleiro Dr. Eduardo Fontes, ao falar sobre o Mutirão do Diabético, destacou que “esse é um evento que mostra a força de Itabuna, o comprometimento da cidade com as causas sociais. O foco na prevenção é altamente positivo”.  A Dra. Marluce Leão, da  Associação dos Diabéticos de Itabuna (Asdita), parceira do mutirão, afirmou que “mais uma vez estamos participando desse evento que beneficia milhares de pessoas, já que o diagnóstico precoce é fundamental para evitar que a doença se agrave”. No Brasil existem 15 milhões de diabéticos e 50% deles desconhece que tem a doença, daí a importância da orientação.

O diretor da TV Cabralia/Record News, Marcelo Almeida, ressaltou que “diante da grandiosidade do Mutirão, essa é uma parceria que nos orgulha. O diabetes é uma doença silenciosa e o papel da televisão é fundamental para levar a mensagem da prevenção”. Para a reitora da Universidade Estadual de Santa Cruz, Adélia Pinheiro, “essa é a união  em torno de uma causa, combatendo uma doença que afeta a qualidade de vida”. “É necessário um sistema de saúde pública que garanta a prevenção, mas também o comprometimento de toda a sociedade organizada e nesse aspecto o Mutirão do Diabético é um exemplo a ser estimulado e seguido”, afirmou a reitora da Uesc.

NOVEMBRO AZUL

Durante a apresentação do projeto do Mutirão do Diabético de Itabuna, foi lançado o Novembro Azul, que pretende incentivar as pessoas a iluminarem suas casas de azul, medida que se estende também a estabelecimentos comerciais e prédios públicos. O objetivo é deixar a cidade com vários locais com a cor azul, mostrando o engajamento de toda a comunidade na prevenção do diabetes. As fotos serão disponibilizadas nos sites do Mutirão do Diabético de Itabuna e da Federação Internacional do Diabético, além da fan page do Mutirão no Facebook.

A TV Cabrália/Record News vai realizar a “Blitz Azul”, em que a equipe de reportagem vai fazer uma blitz em algumas casas iluminadas para prestigiar o Mutirão,  entrevistando as pessoas que se solidarizaram com a causa do diabetes.

 

Imprimir Imprimir | Enviar Enviar

Dê seu voto:

Leave a Reply

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
novembro 2012
D S T Q Q S S
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930