hanna thame fisioterapia animal
universidade lasalle livros do thame

Archive for agosto 2nd, 2012

Apoio da Bahia Mineração reduz em R$ 160 mil custeio mensal do Hospital São José em Ilhéus

Um cardápio mais variado, planejamento eficiente para evitar desperdícios, maior agilidade no preparo do alimento, mais autonomia para a equipe de nutricionistas, melhor controle dos processos de compra e estocagem de material.  Estes são ingredientes invisíveis mas que estão presentes em cada uma das 600 refeições servidas diariamente no Hospital São José a pacientes, acompanhantes e funcionários desde que a unidade terceirizou sua cozinha. As melhorias – atestadas em pesquisas – ainda significaram uma redução de custeio na ordem de R$ 160 mil por mês, dinheiro que segundo o diretor administrativo do hospital, Zenaldo Prudente, tem sido aplicado na compra de material de uso hospitalar e medicamentos.

“Digo com certeza que a nova aplicação destes recursos, proporcionada pela folga no orçamento, significou uma redução de 99% nos problemas de falta de material e medicamento no nosso hospital”, constata o diretor ao avaliar o resultado da terceirização. Entidade filantrópica mantida pela Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus, o Hospital São José celebrou em dezembro de 2011 convênios com a Bahia Mineração-Bamin, que resultaram em investimentos da empresa na unidade que somam, até aqui, R$ 1,648 milhões de um contrato global na ordem de R$ 2 milhões.

O Hospital São José é especializado em obstetrícia e 60% do seu público é atendido pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O investimento na unidade hospitalar faz parte da gama de ações sociais que a mineradora trouxe para Ilhéus desde que se instalou na cidade, em 2008, com o intuito de operar um terminal privativo no Complexo Porto Sul, empreendimento que ainda se encontra em fase de licenciamento ambiental.

A nutricionista da Alquimia, empresa que executa os serviços de cozinha do Hospital São José, Érica Lima dos Santos atesta que a eficiência na gestão do serviço se reflete positivamente na produção e na qualidade das refeições servidas a funcionários, pacientes e acompanhantes. Ela conta que o desperdício diminuiu na mesma proporção em que a qualidade aumentou. Diariamente, cada paciente ou funcionário do hospital tem direito a recebe até seis refeições por dia, incluindo os lanches entre o café, almoço e jantar e a ceia.

Chesf libera R$ 10 milhões para estados nordestinos

A Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) vai liberar R$ 10 milhões para oito estados nordestinos, atendendo à reivindicação apresentada na quarta-feira (1º de agosto) pelo presidente do Conselho Nacional de Secretários de Agricultura (Conseagri), engenheiro agrônomo Eduardo Salles, titular da pasta na Bahia. Acompanhado pelos secretários nordestinos, Salles reuniu-se com o presidente da Chesf, João Bosco de Almeida, em Recife, apresentando o pleito. Os recursos serão aplicados em ações estruturantes de convivência com a seca, visando aumentar a oferta permanente de água e assegurar o desenvolvimento socioeconômico dos estados do semiárido do Nordeste. A Chesf celebrará convênios com os governos estaduais, e cada um dos oito estados receberá R$ 1,25 milhão.

Eduardo Salles disse que a Bahia deverá aplicar esse valor na qualificação dos rebanhos de caprinos e ovinos; em kits de irrigação de dois hectares para comunidades de agricultores familiares visando à produção de hortaliças, grãos e frutas; e em tanques-rede para apoiar a piscicultura.  Esse novo recurso soma-se aos R$ 22.1 milhões destinados à Bahia dos R$ 100 milhões que o Conseagri conseguiu junto ao BNDES e Ministério da Integração para ações estruturantes de convivência com a seca, no mês de junho. Sugerido pelo secretário e definido pelo governador Jaques Wagner, os R$ 22,1 milhões serão utilizados na construção de 1,3 mil pequenas barragens subterrâneas para perenizar riachos e rios nos municípios que decretaram estado de emergência por causa da seca.

De acordo com o secretário baiano, o diretor do BNDES, Guilherme Lacerda, informou que o enquadramento dos recursos não reembolsáveis já foi confirmado e deverão ser aprovados pela diretoria nos próximos dez dias. A previsão é que os recursos sejam liberadores através da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e/ou Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) até o mês de setembro.

 

 

Universitário revendia lança-perfume comprada pela Internet

O estudante de Nutrição Efraim Santos Gois, de 28 anos, foi preso, na manhã desta quinta-feira (2), por investigadores da 16ª Delegacia Territorial (DT/Pituba) quando deixava seu apartamento, no bairro de Pernambués, com 76 ampolas de lança-perfume no banco traseiro do carro. Vendedor autônomo de produtos homeopáticos, o universitário iria revender a droga, comprada pela internet, num posto de gasolina no bairro da Pituba.

O lote fazia parte da segunda remessa de lança-perfumes adquiridos por Efraim junto a um traficante de Fortaleza, no Ceará. Segundo ele, a transação foi realizada pela internet e o dinheiro depositado numa conta corrente indicada pelo traficante, apelidado de “Emanuel” ou “Barão”. Embaladas numa caixa de papelão, as lança-perfumes foram transportadas em ônibus interestadual da linha Fortaleza/Salvador e retiradas pelo próprio estudante na garagem da empresa.

Com duas passagens pela polícia por desacato e posse de drogas, o universitário estava com todo o material acondicionado no banco traseiro do Celta, vermelho, de placa JOU-8603, quando foi preso. Em seu depoimento, além de admitir ser usuário de maconha há pelo menos três anos, alegou que a droga seria oferecida aos colegas de faculdade e a outros amigos para consumo em festas. Explicou que vendia as “lanças” para ampliar sua renda, de aproximadamente R$ 1,5 mil mensais como representante.

A polícia apurou que Efraim já havia encomendado ao traficante cearense, em outras ocasiões, cotas de anabolizantes para uso próprio. Revelou também que já havia adquirido anteriormente um lote de lança-perfumes, com 118 ampolas numa única caixa. Pagou pelo pedido a quantia de R$ 1,5 mil e o revendeu por R$ 2,5 mil a um homem identificado como Valdemar, morador de Jauá, no Litoral Norte.

PREFEITO DE PORTO SEGURO DESISTE DE TENTAR REELEIÇÃO

O prefeito de Porto Seguro, Gilberto Abade (PSB), desistiu de concorrer à reeleição nas eleições municipais deste ano. Segundo Marlene o prefeito se reuniu com os seus secretários, na noite desta quarta-feira 1º de agosto, Abade comunicou a decisão, alegando problemas de saúde. Há um mês ele foi submetido a uma cirurgia em um dos olhos para corrigir um problema de glaucoma.

O  prefeito e sua coligação ‘Meu Porto, Minha Paz’, composta pelos partidos PSB, PRB, PDT, PTB, PSC e PSDB vão decidir até amanhã  se vãoapoiar outro candidato. Os candidatos à prefeito do município são: Lúcio Pinto (PMDB), Jânio Natal (PRP) e Cláudia Oliveira (PSD).

Governo da Bahia apresenta contraproposta à APLB

Em correspondência enviada a APLB-SINDICATO, o Governo da Bahia apresentou uma contraproposta, na manhã desta quinta-feira (2), para a realização do acordo final da greve dos professores. Foram apresentadas clausulas econômicas, contidas na proposta de intermediação do Ministério Público Estadual (MPE) e Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).
Entre os itens, destaca-se que, além dos reajustes salariais concedidos à categoria neste ano, que variam de 6,5% a 11,5%, o Governo irá conceder a todos os professores licenciados da carreira de Magistério, por meio de curso de atualização de práticas pedagógicas, promoção com ganho de 7%, em novembro de 2012, e nova promoção, também com ganho de 7%, em março de 2013.
Pela contraproposta, o Estado encaminhará para revogação o artigo 3º da Lei 12.364, de 25 de novembro de 2011, que prevê reajuste de 3% e 4% para os meses de outubro de 2013 e de 2014, respectivamente. E qualquer reajuste salarial linear concedido aos servidores públicos, contemplará os professores.
As solicitações do sindicato relacionadas a demissões, processos administrativos, salários dos professores e repasses das contribuições sindicais foram aceitas pelo governo que somadas às questões econômicas se configuram como base do acordo. “Para efetivação da proposta atual, é necessária a assinatura de concordância entre as partes, bem como o compromisso do sindicato em suspender imediatamente o movimento reivindicatório e os professores cumprirem o calendário de reposição das aulas”, conclui o documento enviado à APLB, com cópia para o MPE, TJBA e Ministério Público do Trabalho.

AZEVEDO NAVEGA EM MAR REVOLTO

O prefeito de Itabuna e  candidato à reeleição Capitão Azevedo (DEM) vive momento eleitoral delicado. O indeferimento do registro de sua candidatura pela Justiça Eleitoral, após impugnação por parte do Ministério Público Eleitoral, é considerado de difícil reversão por advogados da área eleitoral.

Outros profissionais da área consideram a matéria complicada diante de novidades impostas a partir da Lei da Ficha Limpa. Apesar da lei punir o ficha-suja, no caso de Azevedo, ele pode ser beneficiado por que não teve as contas apreciadas pelo legislativo.

Algumas das principais razões:

1 – A sentença do juiz da 28ª Zona Eleitoral, André Vieira Dantas, segue entendimentos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e da Lei da Ficha Limpa quanto à condição do candidato e pela qual se deve indeferir aqueles pretendentes considerados “fichas-sujas”. A candidatura de Azevedo foi considerada inapta por que o prefeito teve duas contas julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Estas contas se referem aos exercícios (anos) de 2009 e 2010. Mesmo que analisadas e aprovadas pela Câmara, Azevedo ainda poderia ter candidatura indeferida por questão técnica, apontada mais abaixo.

2 – O prefeito é acusado de não comprovar despesas no montante de R$ 22.753.925,20 nos dois primeiros anos de mandato, sendo R$ 10.055.914,89 em 2009 e outros R$ 12.698.010,31. As irregularidades são consideradas insanáveis tanto pelo TCM como pelo juiz que proferiu a sentença de 41 páginas.

A maior parte destes mais de R$ 22 milhões está relacionada a negócios com a Construtora Marquise, responsável pela coleta de lixo em Itabuna. Ao observar o contrato, tanto o Ministério Público Eleitoral como a Justiça enxergaram diversos vícios do gestor para beneficiar a Marquise com o contrato milionário.

É citado na ação que o município decretou situação de emergência em 17 de fevereiro de 2009, mas o contrato emergencial com a Marquise foi assinado no dia 2 de janeiro, “portanto quarenta e seis dias antes da decretação de Situação de Emergência”. O juiz eleitoral considerou agravante o fato de o município somente iniciar processo licitatório no dia 1º de junho de 2009, enquanto o contrato com a Marquise se encerrava um dia depois. A licitação teve como vencedora a empresa cearense.

3 – Além das irregularidades insanáveis, conspira contra Azevedo o fato de não ter recorrido contra nenhum dos dois julgamentos do TCM que opinaram pela rejeição de suas contas de 2009 e 2010, combinado com o fato de a Câmara de Vereadores não ter analisado a prestação de contas do prefeito itabunense. É o tal “quem cala, consente”.

A coligação de Capitão Azevedo entrou com recurso na última terça, 31, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Enquanto o caso não for julgado pelo TRE, o prefeito e candidato à reeleição poderá fazer campanha e, no site do registro de candidaturas, aparecerá como “apto”.  (informações do Pimenta na Muqueca)

TELEFONE MUDO NÃO PODE TOCAR

DETRAN REALIZA LEILÃO DE VEICULOS APREENDIDOS NA BAHIA

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran/BA) realiza este mês leilão de veículos apreendidos, que estão lotados em Salvador e nas Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans) e não foram retirados pelos proprietários dentro do prazo estabelecido. A ação vai envolver 11 cidades baianas e o primeiro lote, com 98 veículos, entre motos e carros, vai ser leiloado na capital baiana, no dia 20 deste mês, no auditório do órgão, na Avenida ACM, no Iguatemi, a partir das 9h.

De acordo com o presidente da Comissão de Leilão do Detran, Márcio Albuquerque, os veículos disponíveis para venda foram apreendidos pelo órgão de trânsito por falta de pagamento de taxas obrigatórias como IPVA, licenciamento, seguro obrigatório e multas. “Após a apreensão os proprietários têm um prazo de 90 dias para vir ao pátio pagar todos os débitos e retirar seu carro ou sua moto. Mas muitos deles nem aparecem aqui, deixando os veículos à disposição do Detran para leiloá-los”.

A previsão é arrecadar mais de R$ 1 milhão, valor que será utilizado pelo Detran para regularizar a situação dos veículos arrematados. Após a regularização, o automóvel ou a moto estarão aptos a voltar para as ruas. Depois de Salvador, o leilão ocorre na cidade de Ilhéus (dia 21), Eunápolis (22), Itamaraju (23), Teixeira de Freitas (24), Valença (27), Brumado (28) Vitória da Conquista (29), Itapetinga (30), Jequié (31) e Alagoinhas (3 de setembro).

MOTOTAXISTA É FUZILADO NA FRENTE DOS FILHOS

O mototaxista Jackson Guimarães Silva, de 23 anos, foi assassinado na noite de ontem, na Rua G, no bairro Vila Anália, em Itabuna. No mesmo local, um homem identificado apenas como Beto também foi baleado, mas conseguiu sobreviver.

A namorada de Jackson, informou a polícia que ele assistia o jogo na sua companhia e de outras quatro pessoas, quando os homens chegaram atirando. Segundo a mulher, Jackson ainda correu para o quarto onde estavam os dois filhos dele, um de 6 e outro de 11 anos, mas morreu ao lado das crianças.

De acordo com uma testemunha, foram seis atiradores, entre eles rapazes com aparência bem jovens.  Jackson era morador do bairro João Soares e trabalhava na Central do bairro de Fátima. Beto foi socorrido por uma equipe do Samu e encaminhado ao Hospital de Base Luis Eduardo Magalhães.

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
agosto 2012
D S T Q Q S S
« jul   set »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031