camara itabuna
livros do thame

Archive for maio 27th, 2012

BAHIA PERDE E SEGUE SEM VENCER NO BRASILEIRÃO

Num jogo insosso, o Bahia perdeu para o São Paulo por 1×0 e segue sem vencer no Brasileirão de 2012. Na estréia, o time de Falcão empatou com o Santos em 0×0 e soma apenas um ponto na competição, que tem Botafogo e Atlético MG na liderança com seis pontos.

O gol do São Paulo, que conseguiu sua primeira vitória, foi marcado por Luis Fabiano.

 

PT DE ITABUNA ENCERRA ENCONTRO EM CLIMA DE UNIDADE PELA CANDIDATURA DE JUÇARA

Foi ao som de um afinado “ô lê, ô lê, ô lá; Juça-ra lá” que a militância do Partido dos Trabalhadores encerrou hoje o encontro municipal que referendou o nome de Juçara Feitosa para a disputa da prefeitura de Itabuna nas eleições de outubro. A afinação das vozes parecia traduzir um momento especial do PT, que finalmente parece ter curado suas feridas recentes e mostra maturidade ao se declarar unido para a disputa.

“Na eleição de 2008, quando Juçara tentou pela primeira vez a prefeitura, a situação era diferente. Vínhamos de uma prévia, em que várias forças internas buscavam espaço para a disputa. Já nesse ano, o PT está unificado desde o início do processo”, afirma o deputado Geraldo Simões, um dos delegados do partido para as eleições municipais.

Além de Geraldo, o encontro teve a participação de lideranças como o presidente estadual do partido, Jonas Paulo, da secretária estadual de Políticas para Mulheres, Vera Lúcia Barbosa. Ambos também hipotecaram apoio ao nome de Juçara, assim como os 170 delegados eleitos para acompanhar o processo eleitoral e as centenas de militantes presentes.

A presidenta do Diretório Municipal do PT, Miralva Moitinho, também reforçou a tese da unidade partidária como estratégia para vencer a eleição. “Não só unidos internamente, como buscando alianças com outros partidos. O PT está pronto para a disputa, junto com todos os partidos que querem uma nova forma de governo, participativo e cidadão”.

O mesmo discurso foi repetido pela própria pré-candidata, Juçara Feitosa. “Itabuna precisa entrar numa agenda positiva. Precisa de um governo que consiga dialogar com a sociedade, cuidar de questões como a saúde, a segurança e a promoção da cidadania. Tudo isso se relaciona com a educação. Então, o município precisa de um olhar e de ações que o tire dessa agenda terrível que se encontra hoje”.

 

PROJETO DA CEPLAC DE CONSERVAÇÃO PRODUTIVA DO CACAU SERÁ APRESENTADO NA RIO+20

Sustentabilidade. A palavra que deve ser uma das mais pronunciadas durante a Conferência Mundial das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável (Rio+20) remete à preocupação da sociedade com as próximas gerações. E um dos modelos que pode servir de exemplo para o mundo está sendo implantado em uma região que já pratica a sustentabilidade há mais de dois séculos. Trata-se do Projeto Barro Preto, trabalho junto a agricultores que utilizam o sistema cacau-cabruca e desenvolvido de forma experimental desde agosto de 2010 pela Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac) da Bahia.

Leia mais

http://www.ceplac.gov.br/restrito/lerNoticia.asp?id=1936

A UNIVERSIDADE BRASILEIRA TEM O PERFIL DA MULHER

elas são maioria nas universidades

Mulher, trabalhadora.  e estudante do turno da noite em instituição privada, muitas delas com bolsa do ProUni. Esse é o perfil padrão do universitário brasileiro, de acordo com o censo feito pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais).

Os dados do Inep estão no Resumo Técnico do Censo da Educação Superior 2010. No ensino a distância, o perfil é semelhante: a aluna é mulher, tem 29 anos e faz uma licenciatura numa instituição privada.

Neste ano, o governo traçou um perfil do estudante brasileiro por curso. As mulheres “dominam” os cursos das áreas de educação, humanidades e artes, ciências sociais, negócios e direito, saúde e bem estar social e serviços. Já os alunos dos cursos de ciências, matemática e computação, engenharia, produção e construção e agricultura e veterinária são majoritariamente homens.

 

 

PERFIL DO UNIVERSITÁRIO BRASILEIRO

  Presencial A Distância
Sexo Feminino Feminino
Categoria Privada Privada
Grau Bacharelado Licenciatura
Turno Noturno
Idade 21 29
Idade de ingresso 19 28
Idade de conclusão 23 31
  • Fonte: MEC/Inep

PERFIL DO UNIVERSITÁRIO POR ÁREA – CURSOS PRESENCIAIS

  Educação Humanidades e artes Ciências sociais, negócios e direito Ciências, matemática e computação
Sexo Feminino Feminino Feminino Masculino
Categoria Privada Privada Privada Privada
Modalidade Presencial Presencial Presencial Presencial
Grau Licenciatura Bacharelado Bacharelado Bacharelado
Turno Noturno Noturno Noturno Noturno
Idade 21 21 21 21
Idade (ingresso) 19 19 19 19
Idade (concluinte) 23 22 23 22
  Engenharia, produção e construção Agricultura e veterinária Saúde e bem estar social Serviços
Sexo Masculino Masculino Feminino Feminino
Categoria Privada Pública Privada Privada
Modalidade Presencial Presencial Presencial Presencial
Grau Bacharelado Bacharelado Bacharelado Tecnológico
Turno Noturno Integral Integral Noturno
Idade 20 21 21 20
Idade (ingresso) 19 18 19 19
Idade (concluinte) 23 23 23 22
  • Fonte:MEC/Inep

CONSUMIDOR TOMA CHOQUE NA CONTA DA COELBA

o giro tem cara de 171

O representante comercial Risomar Lima, de Itabuna, tomou um susto ao comparar a conta de energia elétrica do imóvel que reside e o que efetivamente consumiu nos últimos dois meses.

Enquanto o contador apontava consumo real de energia de 13.131 kw/h até a última quarta-feira (23), a leitura feita pela Coelba um mês antes, no dia 27 de abril, era de 13.360 kw/h, diferença de mais de 200 kw/h.

Outra surpresa se deu ao analisar a conta do mês anterior, que apontava 13.158 kw/h, superior até ao apontado na conta da última quarta. Risomar registrou a gatunagem mansa em fotos e agora exige explicação convincente da Coelba.

Bahia Pesca monta ambulatório e realiza oficinas para marisqueiras

A Bahia Pesca promoveu no  sábado (26), em Ilhéus, no Centro Estadual de Educação Profissional oficinas em “Saúde Ocupacional” para marisqueiras e pescadoras com o objetivo de diagnosticar, prevenir e tratar as doenças causadas pelas atividades destas profissionais. Esta é mais uma ação que faz parte do programa de fortalecimento e geração de renda para as famílias da área de implantação do Porto Sul, projeto do Governo do Estado.

Uma equipe formada por duas fisioterapeutas, duas técnicas em enfermagem e um clínico-geral atendeu cerca de 150 pessoas fazendo aferição de pressão, teste de glicemia e glicose. O trabalho tem segmento. Segundo a subgerente de pesca Eliana Carla, “a Bahia Pesca montou um ambulatório no Edgar Santos (antigo Hospital das Clínicas) em Salvador, para a realização de exames mais detalhados. O transporte também é custeado pela empresa.”

Nas oficinas as mulheres receberam orientações sobre a correção da postura durante a realização das atividades profissionais e, também, no dia a dia, a exemplo de deitar, levantar da cama e levantar objetos pesados. Fizeram ainda exercícios físicos que contribuem para evitar alguns problemas de saúde.

Dona Vitorina Santana de Jesus tem 60 anos e começou a pescar e catar mariscos aos sete de idade ao lado da mãe. Ela disse que falta tempo para os exercícios, mas vai se organizar melhor, pois reconhece que “trás bons resultados.” Todas receberam material impresso sobre o assunto.

O presidente da Bahia Pesca, empresa vinculada à Seagri, Isaac Albagli falou sobre a importância desta iniciativa e citou outras ações da empresa nesta área a exemplo da distribuição de EPIs-Equipamento de Proteção Individual e Kits Marisqueiras. Na segunda-feira às 9:00 horas, as oficinas serão realizadas na Colônia Z-18 em Itacaré.

O ROTO RI DO ESFARRAPADO

FLORESTA AZUL: KOMBI CAI EM PONTE, TRES PESSOAS MORREM

a kombi ficou destruida (foto Tribuna de Ibicarai)

Três passageiros de uma VW Kombi morreram na queda do veículo de uma ponte de aproximadamente dez metros de altura, hoje, em Floresta Azul, no sul da Bahia. O motorista teria perdido o controle da lotação justamente quando trafegava pela ponte.

Isauro Ribeiro da Silva, 70 anos, Valdicléia AlmeidaVieira, 19, e Jackson Lima Damasceno morreram quando retornavam de Floresta Azul para Ibicaraí. Todos os mortos residiam em Ibicaraí.

O motorista da Kombi foi identificado como Jobson Almeida. Ele teve uma das pernas fraturada no acidente e encontra-se internado em estado grave no Hospital de Base de Itabuna.

Os ocupantes da Kombi mortos ficaram presos às ferragens do veículo que fazia transporte de pessoas.

Audiências públicas discutem projeto do Porto Sul em seis cidades

Em acordo com o Governo da Bahia,  o Ibama realiza, de 28 de maio a 2 de junho, seis audiências públicas para a apresentação do processo de licenciamento ambiental do projeto Porto Sul em seis cidades da Região Cacaueira, que estão na área de influência do empreendimento.

Com isso, serão sete as audiências públicas do Porto Sul realizadas para discutir o projeto do porto que será construído na região de Aritaguá, em Ilhéus. A primeira audiência, realizada em 29 de outubro de 2011, no Centro de Convenções de Ilhéus, reuniu cerca de 4 mil pessoas, sendo considerada pelo Ibama uma das maiores audiências realizadas pelo órgão em todo o Brasil.

As novas audiências, organizadas a partir de um entendimento entre o Governo da Bahia, responsável pela implantação do Porto Sul, que terá ainda um terminal privado da Bahia Mineraçãoacontecerão em Uruçuca, Itacaré, Itabuna, Itajuipe, Coaraci e Barro Preto.

Nas últimas semanas, foram realizados encontros de interação social nas seis cidades, com o objetivo de ampliar as informações e prestar esclarecimentos sobre o projeto, além de mobilizar a comunidade para as audiências.

Cópias do EIA Rima estão disponíveis em espaços públicos, como prefeituras, câmaras de vereadores, escolas e bibliotecas.

“O governo do estado está comprometido a participar das novas audiências públicas com o mesmo posicionamento democrático adotado em todo o processo de implantação do Porto Sul. Durante esses seis novos encontros, vamos reforçar a importância do projeto, detalhando os estudos realizados e respondendo as dúvidas da população”, disse o secretario da Casa Civil do Governo da Bahia, Rui Costa.

COBERTURA ON LINE

Uma equipe fará a cobertura on line das seis audiências, disponibilizando os conteúdos através do site www.portosul.ba.gov.br. Ao final dos encontros, o material consolidado será distribuídos aos veículos de comunicação de todo o estado da Bahia.

 

PT VAI CONFIRMAR JUÇARA COMO CANDIDATA A PREFEITA

O diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT)  realiza Encontro Municipal, a partir das 9 horas desse domingo, 27, na Câmara de Vereadores. A legenda vai homologar o nome de Juçara Feitosa (foto) à prefeitura de Itabuna. A candidatura, porém, será oficializado em convenção partidária a ser realizada em junho.

Dentre as presenças de autoridades confirmadas no evento de amanhã, estão a secretaria estadual de Políticas para Mulheres, Vera Lúcia Barbosa, o deputado federal Geraldo Simões,  dirigentes da executiva estadual do PT, deputados estaduais e federais e líderes regionais da legenda.

Lançamento do Cacau para Sempre reúne mais de 600 agricultores familiares da região cacaueira

Com a presença de mais de 640 agricultores familiares, produtores de cacau do Sul da Bahia, foi lançada nesta sexta-feira (25), no Teatro do município de Ilhéus, a ação Cacau para Sempre. A estratégia de combate à pobreza rural e a inclusão socioprodutiva, que integra o programa estadual Vida Melhor, vai atender cerca de 10 mil famílias de produtores de cacau da Bahia.

A ação vai ser executada pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa da Secretaria de Desenvolvimento e Integração Regional (Sedir), e permitirá a recuperação da lavoura cacaueira, através do fortalecimento estrutural, logístico e produtivo para a produção do cacau de qualidade e da conservação do sistema cabruca.

De acordo com secretário da Casa Civil, Rui Costa, que esteve no evento representando o governador Jaques Wagner, o programa visa articular, apoiar e organizar todos os pequenos agricultores que produzem o cacau para que possam melhorar a produtividade. “Para isso o governo está utilizando fundos de combate à pobreza, do programa Vida Melhor, e junto com a Sedir e a CAR, que é a empresa responsável pela ação, lança esta iniciativa que visa dar melhor capacidade de produção a esses produtores e, com certeza, ajudará a levar renda e melhorar a qualidade de vida de todos eles”, afirmou.

Para o diretor executivo da CAR, José Vivaldo de Mendonça, foi um dia muito importante para a empresa pela implantação dessa articulação, no âmbito do Vida Melhor, uma ação regional ampla com uma quantidade expressiva de famílias a serem atendidas. “O Cacau para Sempre está vinculado ao Vida Melhor e, ao mesmo tempo, se conecta com o Brasil Sem Miséria. Inicialmente iremos atender a 3 mil famílias e, nos próximos anos, serão 10 mil famílias beneficiadas, o que certamente impactará decisivamente na vida e renda de milhares de pessoas”, explicou.

Para a execução da ação serão usadas estratégias como a recuperação e construção das estruturas produtivas do processo de beneficiamento da amêndoa do cacau (barcaças, cochos de fermentação, secadores e fornos); recomposição do estande com mudas de procedência garantida (plantio, replantio e clonagem); enriquecimento da Cabruca com essências florestais nativas e com espécies de valor econômico, a exemplo de flores tropicais, frutíferas e palmito, além da valorização e do fortalecimento das associações e cooperativas, viabilizando os processos de certificação e adequação socioambiental das propriedades rurais atendidas.

O Cacau para Sempre vai atender comunidades rurais, remanescentes de quilombos, aldeias indígenas e assentamentos de reforma agrária, dos Territórios Extremo Sul, Litoral Sul, Baixo Sul, Vale do Jequiriçá e Médio Rio de Contas, através de recursos oriundos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza Rural (Funcep).

A ação, coordenada pela Casa Civil, é uma parceria entre a CAR, a Superintendência de Agricultura familiar (SUAF), da Secretaria da Agricultura do Estado, da EBDA, do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Ceplac e UESC.

Pactuados entre agentes financeiros e governo 1.400 novos projetos para a região cacaueira

Em evento organizado pela Secretaria de Agricultura do estado, com o objetivo de buscar caminhos para destravar o crédito na região cacaueira, os agentes financeiros, Banco do Brasil e do Nordeste, e os governos federal e estadual, através da Ceplac e Seagri-Ebda, pactuaram o compromisso da aprovação de 1.400 projetos para a região, sendo 500 para a região de Ilhéus, incluindo os municípios circunvizinhos que tem a mesma característica, e 900 na região de Gandu, sendo que cada banco ficará responsável por aprovar metade dos projetos.

Esse pacto foi um dos resultados das reuniões de trabalho realizados nesta quinta-feira (24), durante todo o dia, em Ilhéus e Gandu, com centenas de produtores, representantes dos bancos, da Ceplac, sindicatos, associações e cooperativas para debater esta questão. Os bancos se comprometeram também a estudar a proposta de ampliar de dois para três anos o prazo de carência para pagamento dos créditos para custeio. Uma comissão formada por técnicos da EBDA, Ceplac e Senar foi formada para interagir com os bancos e viabilizar o cumprimento do que foi acordado. “Nossos estudos mostram que três gargalos, crédito, assistência técnica e tecnologia, impedem ou atrapalham o desenvolvimento da agropecuária da região. Hoje focamos aqui no destravamento do credito”, explicou Eduardo Salles.

Para ter acesso aos recursos, os produtores vão elaborar projetos com assistência da Empresa Baiana e Desenvolvimento Agrícola (EBDA) e da Ceplac. Com o aval dessas entidades, os projetos serão encaminhados às superintendências do BB e BNB, que darão o sinal verde para as agências na região. Esse processo vai agilizar a liberação do crédito. Equipes técnicas da EBDA e Ceplac vão trabalhar em sintonia com técnicos dos bancos para elaborar planilhas de custeio, relacionando o que os produtores querem fazer e quanto vão precisar.

Representando a Ceplac, o pesquisador Milton Conceição fez palestra mostrando as tecnologias disponíveis para o aumento da produtividade, indicando também as necessidades de recursos para custeio.

“A região está organizada e pronta para crescer. Só precisamos que os bancos sejam sensibilizados e liberem recursos para custeio e investimento”, afirmou Renato Dias Souza, presidente do Sindicato Rural de Gandu, região que se destaca por estar desenvolvendo a cultura do associativismo e do cooperativismo.

O superintendente do Banco do Brasil, (BB) João Batista, e o assessor da presidência do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), José Nunes Junior, debateram com os produtores as dificuldades e se comprometeram em contribuir para o desenvolvimento da região do cacau, que fatura anualmente R$ 600 milhões.

Destacando a importância de créditos para custeio e novos investimentos, Eduardo Salles disse que “estamos começando esse processo com a cacauicultura, mas devemos expandir para as demais cadeias prioritárias (leite, da fruticultura, ovinocaprinocultura, oleaginosas, aquicultura e pesca apicultura e mandioca, incluídas no programa Vida Melhor), lançando no final do ano passado pelo governador Jaques Wagner”.

Além do secretário, dos representantes do BB e BNB, do superintendente da Desenvolvimento Agropecuário (SDA), Raimundo Sampaio e os palestrantes, participam das reuniões os presidentes da EBDA, Elionaldo Teles, e da Adab, Paulo Emílio Torres; dirigentes de sindicatos rurais, associações e cooperativas de Ilhéus e Gandu, e da Associação de Produtores de Cacau (APC), além de gerentes das agência dos bancos e secretários de agricultura dos municípios.

 

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
maio 2012
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031