hanna thame fisioterapia animal
livros do thame

Archive for outubro 25th, 2011

Zé dança com mais de meio quilo de maconha

O Zé dançou feio com a erva na mão

Com uma extensa ficha criminal, José Edvaldo Costa Santos, o “Zé”, 45 anos, foi preso, no fim de semana, por investigadores da Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur) e policiais do 18ª Batalhão da Polícia Militar, com500 gramasde maconha em uma sacola de supermercado.

Flagrado num prédio abandonado, na Rua da Oração, no Centro Histórico, “Zé” tinha também, além da sacola, 200 trouxas de maconha, uma certa quantidade de cocaína, material para embalar os entorpecentes e dois celulares. A polícia agiu em cumprimento a um mandado de busca e apreensão.

Com mandado de prisão em aberto também, “Zé” já tem seis passagens pela polícia, inclusive na Deltur. Todas por tráfico de drogas. Em seu depoimento, o traficante negou que fosse dono da droga e que estivesse no prédio abandonado guardando o material, apesar de estar com a chave do cadeado que tranca a porta principal do imóvel.

Deputados federais e estaduais defendem implantação do Porto Sul

Deputados federais e estaduais ligados ao Sul da Bahia estão mobilizados em defesa da implantação do Porto Sul, um projeto  que terá investimentos do governo estadual, governo federal e da  iniciativa privada no valor de ordem de R$ 2,6 bilhões, gerando  2 mil empregos diretos e indiretos na fase de construção e, quando entrar em operação,  27 mil postos de trabalho diretos e indiretos no porto e nas regiões do entorno. Para o deputado estadual Rosemberg Pinto (PT) “o Porto Sul significa a continuidade do desenvolvimento do Brasil, através de um sistema de integração que vai proporcionar o escoamento de produtos não só da Bahia, mas de outros estados do Norte e Centro/Oeste do país”. Para ele, “é necessário que haja uma mobilização de todos os segmentos para que o Porto Sul seja implantado, já que para o Sul da Bahia, que precisa acompanhar o ritmo de desenvolvimento de outras regiões do Estado”.

         O deputado estadual Augusto Castro (PSDB) entende que “esse empreendimento do Governo Federal e do Governo do Estado é muito importante para a nossa região, que sempre dependeu apenas da lavoura cacaueira. Trata-se de uma nova oportunidade de desenvolvimento, de geração de empregos na área industrial, comercial e prestação de serviços”. “Como deputado aqui da região, me proponho a colaborar com esse projeto, porque acredito que a Bahia vai melhorar sua infra-estrutura e sua logística. O Porto Sul vai permitir a exportação de soja e de minérios através de Ilhéus. É um grande presente para a nossa região”, afirma.

         A deputada estadual Ângela Souza  (PSD), que é presidente da Comissão de Infraestrutura no legislativo estadual, ressalta que  “a população vê nesse investimento a grande saída para o desenvolvimento da região. Outra grande luta é para a qualificação da mão de obra, para que  as vagas de emprego sejam ocupadas pela população da região”. Na Assembléia Legislativa foi criada uma comissão para promover articulações em defesa do Porto Sul, evitando qualquer impasse que venha atrasar as obras desse empreendimento.

         De acordo com o deputado federal Josias Gomes (PT),  “o cacau não é capaz de sustentar, sozinho, um processo vigoroso de desenvolvimento. O Porto Sul terá um grande papel econômico, mas também um grande papel social para grande parte dos moradores da região. Graças ao Governo Federal e ao Governo do Estado teremos um dos grandes impulsionadores do processo de desenvolvimento do Sul da Bahia”. Josias destaca ainda que “toda a bancada baiana no Congresso Nacional apóia esse projeto, pela sua importância e pelo que ele representa para a região e para o Estado”.

         “O Porto Sul promoverá a descentralização da atividade econômica na Bahia, criando um novo pólo de desenvolvimento no Sul do Estado. Além do minério, da soja, temos o algodão no Oeste e com isso poderemos implantar um Pólo Têxtil em Itabuna”, afirma o deputado federal Geraldo Simões (PT). Para Simões, “não apenas Ilhéus, mas outras cidades da região serão beneficiadas. Além de exportar algodão, vamos exportar produtos manufaturados com maior valor agregado. Tenho certeza de que esse porto vai dar um novo impulso ao desenvolvimento do Sul da Bahia, com a geração de emprego e renda para a população”.

Incra notifica assentados que abandonaram áreas de reforma agrária

terra é pra plantar, não pra abandonar

A superintendência regional do Incra/BA está notificando 110 assentados, para regularizar a situação ocupacional de 26 áreas de reforma agrária do estado. A partir da data da publicação do edital, as pessoas têm o prazo de 30 dias para comparecerem à sede do Incra/BA. Trata-se de pessoas que se ausentaram dos assentamentos por mais de 90 dias seguidos, sem comunicar ao Incra. Caso os convocados não compareçam ao Incra/BA, serão excluídos do Programa Nacional de Reforma Agrária (PNRA). Os que comparecem ao Instituto terão as justificativas ao abandono dos lotes analisadas pela Comissão de Supervisão, caso a caso.

 O maior número de convocados está no Litoral Sul. Em 11 assentamentos, há 30 convocados que estão nas áreas de Terra de Santa Cruz (município de Santa Luzia), Vitoropólis (em Una), São Bento e Frei Vantuy (ambos em Ilhéus), Nancy (em Mascote), Loreta Valadares (em Ibicaraí), Helvécia (em Itajuípe), Entre Rios (em Camacan), Conjunto Alemita (em Itabuna) e Pancada Grande e Nova Vida (ambos em Itacaré).

 

ALEITAMENTO MATERNO EM ILHEUS

No dias 26 e 27 de outubro serão realizadas atividades em comemoração a Semana Mundial do Aleitamento Materno no município de Ilhéus. A ação é uma parceria da Secretaria Municipal de Saúde, com o Hospital Manoel Novaes, Sesab (Secretaria de Saúde do Estado da Bahia), 6ª Dires e Faculdade de Ilhéus. O tema definido esse ano para a semana foi: Comunique-se! Amamentação: uma Experiência 3D.

 De acordo com o contexto deste tema oficial relacionado a Semana Mundial de Aleitamento Materno, serão abordados durante as atividades programadas, subtemas voltados para a Saúde Materno Infantil, com o objetivo de reduzir a morbimortalidade e a necessidade do fortalecimento dos grupos de apoio. As atividades envolverão agentes comunitários de saúde, médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem e nutricionistas da rede municipal de saúde.

 A programação em Ilhéus contemplará na quarta-feira (26), uma passeata na Avenida Soares Lopes, a partir das 14 horas, para divulgação e conscientização da importância deste tema para a população. Já na quinta-feira (27), no auditório da Faculdade de Ilhéus, haverá programação científica com palestras e mesas redondas sobre o tema geral como: Diretrizes da política de promoção e proteção a saúde Materno infantil, Saúde da Mulher, Anatomia e Fisiologia da lactação, Grupo de Apoio e Indicadores da Saúde Materno Infantil. As palestras serão das 8 às 16 horas.

 

TOPA RECEBE PREMIO DARCY RIBEIRO EM BRASILIA

Alfabetizada aos 100 anos, dona Enedina é um dos destaques do TOPA

O governador Jaques Wagner recebe, nesta quarta-feira (26), às 17h, na Câmara Federal, em Brasília, o prêmio Darcy Ribeiro, em reconhecimento aos feitos do programa Todos pela Alfabetização (Topa). Concedido anualmente pela Comissão de Educação e Cultura e a Mesa Diretora da Câmara, o prêmio reconhece instituições ou entidades cujos trabalhos ou ações merecem destaque na defesa e promoção da Educação no Brasil. O secretário da Educação do Estado da Bahia, Osvaldo Barreto, também participa da solenidade.

O Topa foi escolhido dentre 20 indicações apresentadas pelos parlamentares. O programa foi indicado para premiação pelo senador Walter Pinheiro. Os ganhadores serão premiados com medalha e diploma de menção honrosa. O Prêmio Darcy Ribeiro de Educação é concedido anualmente desde o ano 2000. Além do Topa, foram selecionados a Escola Sesc de Ensino Médio, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, e o Instituto Guga Kuerten,em Santa Catarina.

O Topa foi criado em 2007 para reduzir o índice de analfabetismo na Bahia. Até 2011, o programa já atendeu a 841 mil pessoas e está presente em 407 municípios. Ele traz, na sua concepção, a garantia do direito à alfabetização dos baianos. Para isso, a Secretaria da Educação firmou parceria com as prefeituras municipais e entidades de movimentos sociais e sindicais, além de universidades públicas e privadas.

Universitários fazem doação para o Banco de Sangue de Ilhéus

            O baixo estoque de bolsas no Banco de Sangue da Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus, que atende boa parte dos hospitais da região sul da Bahia, vai resultar em uma campanha de doação de sangue envolvendo alunos dos cursos de Administração e Enfermagem da Faculdade Madre Thaís (FMT), na próxima quarta-feira (26), das 18 às 22 horas. A expectativa é de que a campanha resulte em, pelo menos, na coleta de 70 bolsas para o reabastecimento mais imediato do estoque.

            Ex-aluno da FMT, formado recentemente na primeira turma de Enfermagem da instituição de ensino, Adelson Bispo, de 32 anos, hoje funcionário do Banco de Sangue, se encarregou, nos últimos dias, de visitar todas as salas de aula, estimulando a doação entre ex-colegas. Ele informa que uma estrutura com a instalação de cinco poltronas coletoras será montada no auditório principal da FMT. Estudantes dos sétimo e oitavo semestres de Enfermagem também vão participar do trabalho, avaliando os sinais vitais dos doadores, a exemplo de pressão arterial, pulsação e temperatura, que são pré-requisitos necessários para a efetivação da coleta.

            O enfermeiro explica que além destas aferições, serão necessárias outras duas etapas de avaliação obrigatoriamente feitas pela equipe técnica do Banco de Sangue. Primeiro o paciente terá que passar pelo teste do peso e da altura: deve ter, no mínimo, metro e meio, e pesar 50 quilos. Depois serão feitas exames de praxe para saber maiores detalhes sobre a qualidade do sangue a ser coletado. Adelson Bispo chama a atenção dos alunos da FMT: eles não podem se alimentar, durante, pelo menos, duas horas do período que antecede a doação.

WAGNER FALA SOBRE PORTO SUL E FERROVIA NO ALERTA TOTAL

Daniel Thame
Daniel Thame, jornalista no Sul da Bahia, com experiência em radio, tevê, jornal, assessoria de imprensa e marketing político danielthame@gmail.com

Busca por data
outubro 2011
D S T Q Q S S
« set   nov »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031